• Olá Paula, como vai? Os Pets acabam ficando dependentes dos humanos quando damos muito amor, carinho e atenção. Acredito que você foi um anjo salvador para ela, cuidou com amor, foi rápido mas esse foi o seu papel na vida dela. Tenha certeza de que tudo o que nos acontece tem um motivo, nada é por acaso. Então, faça-se a pergunta: O que eu aprendi com isso? Que sentimentos afloraram em mim? O que isso mudou na minha vida? Reflita com carinho. Observe os insights, ideias que surgem. Talvez não apareça no momento, mas daqui alguns dias, meses, anos… você irá entender e aceitar não só isso, mas tudo o que já lhe aconteceu, sejam coisas boas ou ruins. Como o meu mestre costuma dizer: o conhecimento/entendimento só lhe será dado quando você estiver pronto e preparado para isso. Faça a sua parte e tenha fé no poder maior.
    Se quiser mais informações de como superar a perda do Pet, escrevi um artigo falando sobre isso
    Como Superar a Perda do Pet sem Sofrer Tanto?
    Abraços e fique em paz!

  • PaulaWeyting

    Achei lindo – mas a pergunta que não quer calar: Como o DONO SUPERAR a Perda do seu Pet Companheirinha, Amiga e Luz de Todas as vidas?
    Perdi Happy dia 02/abr passado e eu a salvei de bandidos dia 02/jun/13 – no dia do meu niver (qdo perdi um ente querido na mesma semana). Happy – que era para ter outro dono, uma poodle idosa,doce, educada, meiga e não queria ninguém e me escolheu – já que socorri quando jogaram de um carro na Av Brasil no RJ – óbvio que quase morri – mas a resgatei junto com outros animais.
    Já tinha quase 20 anos… foram 3 anos de amor afeto e carinho que pude receber. O nosso cardiologista (pq o veterinário tb era cardio de humanos) disse: Paula ela só vive por conta de seu amor… Enfim.. NUNCA algo doeu tanto em minha vida…. Ela não sofreu – só umas 12 horas, até eu poder sedá-la pra que ela não sentisse dor e aguardar o seu momento. Choro procurando por ela. mas sei que ela torce por mim e um dia nos encontraremos no mesmo jardim que ela está!